O chocolate vai ser extinto em menos de 30 anos

Em breve você pode deixar de comprar seu chocolate

 Com o aquecimento global, as temperaturas estão mudando e afetando várias plantações frágeis, como o cacau, responsável pelo amado chocolate.

Por isso, cientistas da Universidade da Califórnia estão começando a desenvolver uma possibilidade de usar a tecnologia de edição de genes, o  CRISPR nas sementes de cacau, para a planta sobreviver em uma clima seco e mais quente.

A cacaueira, árvore do cacau cresce em áreas com alta umidade e chuvas ao longo do ano, como florestas do Equador.

''Mais de 90% da safra mundial de cacau é feita por pequenos agricultores e fazendas de subsistência e material de plantio não melhorado'', o maior problema do cacau é que a maioria é produzida por famílias pobres que não podem pagar por fertilizantes e pesticidas.

''Todos os indicadores são que poderíamos estar olhando para um déficit de chocolate de 100 mil toneladas por ano nos próximos anos''.

Fontes:
http://www.theweek.in/news/sci-tech/chocolate-likely-to-get-extinct-in-30-years.html

A fraude da Herbalife exposta em documentário no netflix

Ameaças de deportação eram frequentes aos que denunciavam a empresa

O documentário Betting on Zero , de Ted Braun retrata a história do modelo de negócio da Herbalife, como sendo a maior fraude piramidal da história.

A Herbalife é acusada de aplicar o golpe em comunidades latinas e países em desenvolvimento como Brasil.

Braun retrata a Herbalife que tem presença em 95 países e 3,2 milhões de distribuidores, em um filme que retrata o ''sonho americano'' de tantos fracassando como o de Julio Ulloa, do Equador.

Julio tinha uma firma de construção nos Estados Unidos, até que em 2012 um representante da Herbalife lhe ofereceu oportunidade de vender suplementos e ganhar entre R$65.500 e R$260.000 mensalmente. 

Empolgado com o negócio, trocou sua firma pela Herbalife, comprando mercadorias avaliadas em milhares de dólares. Os meses se passaram, e com a mercadoria parada sem compradores, suas dívidas começaram a crescer até que ele se viu no fracasso do sonho do trabalho fácil e sem perigo.

Assim como Júlio, milhares de latinos perderam entre R$26.000 e R$72.000 apostando em vendas da Herbalife.

O documentário contém muito material de arquivo de entrevistas e intervenções públicas de dirigentes da empresa, além da contribuição dos distribuidores de Herbalife prejudicados que explicam como a empresa funciona, com ex-distribuidores falidos que foram intimidados por simpatizantes da Herbalife com ameaças de denúncia para que fossem deportados caso continuassem difamando a empresa.

Na investigação realizada pela Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos, foram encontradas quatro práticas comerciais enganosas. As autoridades obrigaram a Herbalife a pagar o equivalente a 655 milhões de reais para quase 350.000 pessoas que perderam dinheiro na aquisição de suplementos.

A Herbalife contestou o documentário, criando um site onde diz que o filme é ''um longo vídeo publicitário que tem como objetivo fazer uma campanha contra o setor de vendas diretas''.

A empresa diz que o filme foi financiado pelo investidor americano Biil Ackman, que quer ''beneficiar sua própria aposta financeira'', tentando lucrar com a queda da empresa na Bolsa de Valores de Nova York.

Apesar disso, a companhia diz que ''está mais forte do que nunca''.

Fontes:
https://brasil.elpais.com/brasil/2017/06/09/cultura/1496969474_772741.html

Brasileira que faleceu em voo do Brasil para Paris está a quase um mês sem parentes reclamarem o corpo

A paraibana de 38 anos morreu de causas naturais

De acordo com a reportagem do site G1 de 26/12/2017, uma brasileira morreu de causas naturais em um voo da Air France saindo de Recife com destino em Paris.

De acordo com o Itamaraty, o corpo está no Instituto de Medicina Legal de Paris desde o começo do mês.

A França entrou em contato com o Brasil no dia 8 de dezembro, informando a morte de Flávia Luiza da Silva de 38 anos que tinha como destino final a Itália. 

''Como procedimento padrão, nós informamos a Polícia Federal na Paraíba para encontrar algum familiar dela, mas até hoje (26 de dezembro), não fomos informados se a polícia encontrou ou não'', informou o Itamaraty.

Enquanto o corpo de Luiza continua retido em Paris por nenhum familiar ainda ter se pronunciado, os trâmites legais estão parados até então.

Fontes:
https://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/brasileira-morre-durante-voo-entre-recife-e-paris-diz-itamaraty.ghtml

Relembre 10 marcos da vida da princesa Diana

Com o anúncio do casamento do príncipe Harry, relembre fatos e fotos inéditas da princesa Diana
Fontes:
https://br.mundo.com/famosos/fotos-polemicas-nunca-vistas-da-princesa-diana/

Anitta e o clipe “Vai Malandra”

Na segunda feira, dia 18 de Dezembro, Anitta lançou em todas as plataformas seu clipe “Vai Malandra.”  Antes de tudo, temos que levar em consideração que a  bicha sabe fazer dinheiro, ela veio da favela e que ela é malandra.

O mundo inteiro parou com os oito segundos de zoom na bunda da Anitta sem tratamento algum. Todas as mulheres se identificaram. Veja bem, uma pessoa na mídia, que tem o alcance que a Anitta tem, não querer nenhum Photoshop naqueles furinhos, foi muito legal. Mas a proposta do clipe foi só essa. Não vi nada além disso.

Passamos nossas vidas inteiras vendo corpos perfeitos, Photoshapados na mídia, e quando algo assim acontece, ficamos felizes e não podemos nos contentar com isso.

Qualquer mídia que consumimos, seja vídeo clipe, seja comercial de TV, seja filme, nós estamos consumindo idéias e quanto mais essas idéias são repetidas mais normais elas se tornam. Assim como uma idéia que não é muito difundida, não é muito divulgada, acaba se tornando algo distante de ser alcançado.

A representação das mulheres hoje que é “você tem que ser maravilhosa, ter um corpo maravilhoso, ser gostosona, sempre perfeita” acaba que essa idéia não está nos levando a lugar algum.

Quantos filmes falam de política tomando a frente, novela?! É super incomum, e isso acaba indo para a realidade. Nosso congresso tem 468 homens e 45 mulheres.

Não concordo com essa idéia do clipe ser super revolucionário, lacrador, tirando a parte da bunda da Anitta sem Photoshop no começo, o resto é o que vemos diariamente.

O clipe foi produzido pelo Terry, ele que tem um passado não muito distante e de incontáveis abusos.
A Anitta, sempre da um passe fora, quase dentro, e essa não foi diferente.

Veja o comparativo dos melhores 4 cartões sem anuidade

Confira na matéria o melhor cartão entre Nubank, Credicard Zero, Inter e Digio

Cartão de crédito sem anuidade até algum tempo atrás era algo totalmente fora da realidade dos clientes.

Quando o Nubank chegou com um cartão sem anuidade, juros abaixo do mercado e sem outras tarifas ofereceu tudo o que os outros bancos não tinham, sendo um forte concorrente.

Assim, os bancos percebendo a migração dos clientes, surgiram com outros cartões na mesma proposta.

Banco do Brasil e Bradesco lançaram o Digio, também sem anuidade, sem tarifas e juros mais baixos.

O Itaú o Credicard Zero e o Banco Inter trouxe os menores juros do mercado nas versões Standart, Platinum e Black. 

  • Digio

Ainda não existe um programa de fidelidade, mas há um planejamento para a criação de um em parceria com a Livelo.

  • Nubank

É um cartão Mastercard, sendo assim, seus usuários participam do programa Mastercard Supreenda. Recentemente foi lançado o programa de fidelidade Nubank Rewards.

Ao fazer uma compra, é lançada a pontuação na fatura referente ao mesmo valor da compra, porém é cobrado uma anuidade de 12 x R$19. Cada gasto é revertido em um ponto, acumulado e registrado em tempo real. Acumulando pontos, o cliente usa em viagens, produtos/serviços de empresas parceiras como Spotify, Netflix, Amazon e Uber. É necessário uma pontuação mínima para cada serviço.

  • Credicard Zero

Cartão Mastercard, seus usuários também participam do Mastercard Supreenda.

Tem parcerias com Uber, FastShop, Extra, Netshoes, Magazine Luiza, Decolar, Zatinni e Ponto Frio. Não tem cobrança do programa de fidelidade.

  • Inter

Não tem programa de fidelidade, mas está em desenvolvimento. 

 

Todos os cartões se saem bem, mas olhando para os juros do rotativo, os cartões do Inter tem os juros mais baixos não só entre esses, mas de todos do mercado 

Fontes:
https://www.proteste.org.br/dinheiro/cartao-de-credito/noticia/nubank-digio-inter-ou-credicard-zero

Saiba como não acabar afundado no Cheque Especial no período das festas de fim de ano

Veja quais são as taxas de juros cobradas por 7 bancos

Muitas pessoas usam o cheque especial em momentos de aperto financeiro, mas a maioria não sabe que na verdade não se trata de um serviço integrante das contas correntes.

Isso costuma acontecer porque muitos bancos não cobram pela contratação do serviço, o deixando mais à mão do cliente.

Porém, o ideal é usar apenas em situações de real emergência, pois se trata de um empréstimo com custo alto. Faça de preferência com bom planejamento para rápida quitação.

Parece uma vantagem poder gastar mais do que se ganha, mas a longo prazo acaba causando endividamentos.

Foi feito um levantamento de vários bancos, e encontram taxas altíssimas de até 432,24% ao ano.

No caso, um correntista que utiliza R$ 500,00 do seu cheque especial com essa taxa de juros e permanece na dívida por cerca de um ano  (como muitos brasileiros) acaba com uma dívida de R$ 2,3 mil.

Com base nesses dados, veja as taxas de juros e CET’s (Custo Efetivo Total)  dos 7 maiores bancos do Brasil, além do CET divulgado pelo Banco Central:

  • Santander

Juros: 432,24%

CET: Não informado pelo banco

CET Banco Central: 421,50%

  • HSBC

Juros: 409,90%

CET: Não informado pelo banco

CET Banco Central: 405,55%

  • Caixa Econômica Federal

Juros: 238,67%

CET: 268,91%

CET Banco Central: 256,38%

  • Bradesco

Juros: 302,31%

CET: Não informado pelo banco

CET Banco Central: 266,19%

  • Banco do Brasil

Juros: 289,18%

CET: 324,43%

CET Banco Central: 260,29%

  • Itaú

Juros: 302,31%

CET: 358,84%

CET Banco Central: 276,25%

  • Citibank

Juros: 407,24%

CET: 454,39%

CET Banco Central: 341,07%

A melhor forma de se manter longe do tipo de situação é pedir ao banco o cancelamento do recurso, pois o cliente não tem obrigação de ter isso associado ao contrato, podendo formar saldo devedor e acúmulo de juros.


Fontes:
https://www.proteste.org.br/dinheiro/emprestimo-consorcio-e-financiamento/noticia/cheque-especial-troque-os-juros-elevados-por-modalidades-com-taxas-menores